Feriado prolongado tem alto número de mortos e feridos nas estradas

Feriado prolongado tem alto número de mortos e feridos nas estradas

O fim de semana foi perigoso nas estradas que atravessam o Maranhão. De acordo com a Polícia Rodoviária Federal, somente no sábado foram 8 acidentes. Quatro deles tiveram feridos graves. Na BR 135, uma idosa de 71 anos morreu atropelada, na região do Tibiri. Ela foi atingida por um motociclista que também teve ferimentos graves. Os outros 3 graves acidentes aconteceram em Imperatriz, na BR 010.

Na noite deste domingo (05), uma colisão envolvendo um microonibus e uma caminhonete resultou na morte de uma pessoa e deixou duas outras gravemente feridas. O acidente aconteceu por volta das 21h, no km 16 da BR-402, município de Rosário, norte do Maranhão.

Uma caminhotete I/FORD RANGER XLT CD4 32, prata, seguia sentido Rosário para Barreirinhas e um microonibus MARCOPOLO/VOLARE DW9 ON, prata, seguia no sentido contrário, quando houve o choque. Os três ocupantes da caminhonete ficaram encarcerados nas ferragens do veículo, mas com ajuda de populares da comunidade Nambu-Açu os dois passageiros foram retirados. O condutor não teve a mesma sorte e acabou morrendo no local. A PRF acionou uma equipe do Bombeiro para fazer a retirada do corpo.

Os dois passageiros foram socorridos e levados para o hospital de Rosário. O estado dos dois é considerado grave.

No microonibus, um passeiro teve ferimento na cabeça e uma passageira torceu um dos pés.

Na caminhonete, que seguia para Presidente Juscelino, foram encontradas várias cervejas.

O condutor do microonibus tem 35 anos de idade e o condutor da caminhonete (morto) tem aproximadamente a mesma idade.

Outro acidente no local

Uma hora após o ocorrido, um veículo passeio GM/CORSA HATCH JOY, cinza, que seguia sentido Rosário Barreirinhas, se aproximou em alta velocidade e colidiu na lateral do microonibus acidentado. O condutor do Corsa foi socorrido e levado ao hospital em Rosário. Há suspeitas de que ele estaria embriagado.

Brasil

Os números de acidentes, feridos e mortos registrados nos cinco dias de feriado prolongado por conta do dia de finados foram menores do que os anotados durante os cinco dias do feriado – também prolongado – de Nossa Senhora da Aparecida, em outubro. A comparação consta do balanço divulgado, em Brasília, nesta segunda-feira (6) pela Polícia Rodoviária Federal (PRF).

Segundo a pesquisa, 56 pessoas morreram nas rodovias federais entre os dias 1º e 5 de novembro, período que engloba finados. O número é 29,1% menor do que as 79 vítimas fatais registradas no feriado de Nossa Senhora da Aparecida, entre os dias 11 e 15 de outubro deste ano.

O total de acidentes durante o feriado mais recente foi 7% menor. Houve 861 acidentes, ante os 926 anotados no feriado de outubro. Os acidentes considerados graves caíram de 263 para 236, o que corresponde a um recuo de 10,33%. E o de feridos passou de 1.065 para 931 (-12,6%).

Infrações e acidentes

A PRF informou, também, que mobilizou mais de 11 mil agentes, distribuídos nos pontos considerados mais críticos – com maior incidência de infrações e acidentes – dos 70 mil quilômetros de rodovias federais no país.

Durante os cinco dias do último feriado prolongado, a Operação Finados flagrou 5.457 condutores fazendo ultrapassagens em locais proibidos; e 896 motociclistas foram autuados porque estavam sem capacete.

A operação flagrou, também, 3.453 veículos com motoristas ou passageiros que não faziam o uso do cinto de segurança, e de 435 ocasiões nas quais crianças eram transportadas sem a utilização da cadeirinha.

Os agentes fiscalizaram 55.101 automóveis e 63.387 pessoas, entre passageiros e motoristas. Foram aplicados 31.401 testes de alcoolemia. Destes, 879 pessoas estavam dirigindo sob efeito de álcool e foram autuadas.

Criminalidade

A Operação Finados atuou também no combate à criminalidade. Dessa forma, recuperou 76 veículos com alguma restrição de furto ou roubo; e retirou de circulação 17 armas e 481 munições.

Além disso, apreendeu 10 toneladas de maconha e 902 quilos de cocaína. Ao todo, 503 pessoas foram detidas.

Avatar photo

Andrezza Cerveira

Editora responsável. Profissional da comunicação com quase 20 anos de atuação no mercado maranhense. Atualmente apresenta o programa Diário Mais, na Rádio Mais FM 99.9, de segunda a sexta-feira, de 06h às 08h. Também possui no currículo experiências na extinta Rádio NOVA FM 93.1, TV Difusora, Portal Difusora On, Coordenadoria Municipal da Mulher de São Luís, Secretaria de Comunicação da Prefeitura de São Luís, além de campanhas políticas e assessoria de imprensa para organizações privadas. Ao longo da carreira, exerceu praticamente todas as funções do jornalismo: reportagem, produção, produção executiva, chefia de edição, chefia de reportagem, apresentação e coordenação de jornalismo.
0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Would love your thoughts, please comment.x