Yglésio anuncia projeto de lei para combater abuso de jogos eletrônicos na internet

Yglésio anuncia projeto de lei para combater abuso de jogos eletrônicos na internet

O deputado Dr. Yglésio (PSB) ocupou a tribuna, na sessão desta terça-feira (22), para informar que está elaborando um projeto de lei com o objetivo de impedir que influenciadores digitais façam propaganda de jogos eletrônicos na internet.

“Já se sabe que este tipo de coisa é uma propaganda enganosa”, afirmou o parlamentar, acrescentando que já tramita na Câmara dos Deputados o Projeto de Lei 3915/2023, que visa proibir a divulgação, promoção ou endosso de empresas de apostas, cassinos e jogos de azar por digital influencers e artistas.

A medida, segundo Yglésio, é uma resposta ao aumento da presença desses conteúdos em plataformas de mídia social, levantando preocupações sobre o impacto que essa exposição pode ter, especialmente sobre os jovens.

Em seu discurso, o deputado disse ainda que, por conta da denúncia que fez em relação a influenciadores digitais maranhenses, começou a ser xingado nas redes sociais. “Tive ameaças de vazamento de conversas que nunca existiram, tive ofensas de toda sorte”.

Yglésio foi enfático ao afirmar que irá formular denúncias ao Poder Judiciário, à Polícia Federal, à Delegacia da Receita Federal, à Superintendência de Investigações Criminais (Seic) e ao Ministério Público.

“Vou levar esse caso para o procurador-geral de Justiça, porque estes jogos eletrônicos, aqui no Maranhão, têm levado famílias, muitas vezes, à destruição. Famílias que, muitas vezes na dificuldade de suas dívidas, pegam os seus trocados e são influenciados por pessoas que vendem ideias de que aquelas plataformas geram riqueza”.

Yglésio frisou que estes jogos eletrônicos são manipulados por um sistema preparado para que a pessoa ganhe algumas vezes e depois comece a perder. “E aí o que o cérebro humano faz? Ele não aceita perda, ele continua a jogar. E essa pessoa vai se afundando em dívidas. Muitas vezes, as dívidas viram ansiedade, depressão e até suicídio”, disse.

Reação

Ainda conforme o parlamentar, a compulsão por jogos é tipificada no CID 11 como ludopatia, doença da pessoa que joga demais. “Então eu gravei um vídeo explicando isso e comecei a ser vítima de uma reação generalizada de várias pessoas que começaram a me xingar em rede social, dizendo que eu estava com inveja, que eu não queria deixar a favela vencer”, acrescentou.

Ao finalizar seu pronunciamento, Yglésio fez referência ao vereador Andrey Monteiro, apontando-o como envolvido na disseminação desse tipo de jogos eletrônicos. Informou também que vai encaminhar para o Conselho de Ética da Câmara uma representação contra o parlamentar.

 

Avatar photo

Andrezza Cerveira

Editora responsável. Profissional da comunicação com quase 20 anos de atuação no mercado maranhense. Atualmente apresenta o programa Diário Mais, na Rádio Mais FM 99.9, de segunda a sexta-feira, de 06h às 08h. Também possui no currículo experiências na extinta Rádio NOVA FM 93.1, TV Difusora, Portal Difusora On, Coordenadoria Municipal da Mulher de São Luís, Secretaria de Comunicação da Prefeitura de São Luís, além de campanhas políticas e assessoria de imprensa para organizações privadas. Ao longo da carreira, exerceu praticamente todas as funções do jornalismo: reportagem, produção, produção executiva, chefia de edição, chefia de reportagem, apresentação e coordenação de jornalismo.
0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Would love your thoughts, please comment.x